top of page

Em Goiás, Pedreiro é preso suspeito de estuprar filha de 12 anos enquanto o irmão dela dormia

Adolescente contou o caso chorando para a mãe, que denunciou à polícia. Pai nega o crime.


Pedreiro é preso suspeito de estuprar filha de 12 anos enquanto o irmão mais novo dela dormia, em Anápolis, Goiás — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Um pedreiro de 34 anos foi preso suspeito de estuprar a própria filha enquanto o irmão mais novo dela dormia, em Anápolis, a 55 km de Goiânia. Segundo a delegada do caso, Kenia Dutra Segantini, a adolescente contou o caso chorando para a mãe, que denunciou à polícia.

"A mãe conta que a adolescente passou a se comportar de forma bastante triste e calada, quando conseguiu revelar aos prantos a violência sofrida. Ela se manteve em silêncio por ter sofrido ameaças do pai", diz Kenia.

O g1 não conseguiu localizar a defesa do suspeito para que se posicionasse até a última atualização desta reportagem. Segundo a polícia, ele negou ter cometido o crime.


A prisão aconteceu na última sexta-feira (18), mas o crime aconteceu em março de 2021. Conforme a PC, a adolescente e o irmão mais novo passavam o fim de semana na casa do pai, no Bairro Vila Nova Jaiara. O abuso aconteceu quando o suspeito dividiu o mesmo colchão com os dois filhos durante a noite.

Se indiciado e condenado, o suspeito pode responder pelo crime de estupro de vulnerável. A pena vai de 6 a 10 anos de prisão.

A delegada disse que após o crime, o suspeito fugiu, mas voltou a morar em Anápolis e foi preso em seu trabalho.


Comments


FORTE NEWS REAL.png

Mais Notícias

bottom of page