top of page

Ex-policial penal confessa ter matado três pessoas em chácara de Goiás

Suspeito se entregou à polícia na madrugada desta sexta-feira (4/2) em Alexânia. Caseiro, esposa e filha da mulher foram executados a tiros


Um ex-policial penal temporário se entregou à polícia, na manhã desta sexta-feira (4/2), e confessou ter assassinado três pessoas em uma chácara de Leopoldo de Bulhões, a cerca de 62 km da capital goiana.


O casal Denismar Ricardo e Suzana Vilefort, de 49 anos, e a jovem Jéssica Vilefort, de 29, filha dela, foram assassinados a tiros na noite de quarta-feira (2/2). Duas pessoas invadiram a propriedade rural e abandonaram um carro no local.


Conforme o delegado Vander Coelho, de Anápolis, informou à TV Globo, o homem que se entregou e confessou o crime trabalhou como policial penal temporário em presídios até 2019. O veículo abandonado no local do crime pertence à esposa do suspeito.

A Polícia Civil ainda investiga a motivação do crime. A namorada de Jéssica estava na fazenda no momento dos assassinatos. Ela teria levado um tiro de raspão, mas se fingiu de morta e sobreviveu, escapando logo depois.

Denismar e Suzana namoravam há cinco anos e moravam na casa da propriedade rural. O homem trabalhava como caseiro no local há 25 anos.



Comentarios


FORTE NEWS REAL.png

Mais Notícias

bottom of page