top of page

Irmãs são presas suspeitas de divulgar nudes da atual mulher do ex-marido de uma delas, em Goiás

Delegado diz que investigadas, de 18 e 21 anos, confessaram o crime e alegaram que queriam se vingar da vítima. Se condenadas, elas podem pegar até 5 anos de prisão.


Duas irmãs, de 18 e 21 anos, foram presas suspeitas de divulgar nudes da atual namorada do ex-marido de uma delas, em Bom Jesus de Goiás, no sul goiano. De acordo com o delegado Gustavo Mendes, as mulheres confessaram o crime e disseram que tinham desavenças e queriam se vingar da vítima, de 25 anos.

“A jovem de 18 anos teve acesso as imagens, enviou para a irmã de 21 [ex-esposa do atual da vítima] e ela encaminhou para outras pessoas. Perdeu-se o controle da divulgação dessas imagens, que passaram a ser divulgadas em grupos e se espalharam pela cidade”, explica o delegado.


Por não terem a identidade divulgada, o g1 não conseguiu localizar a defesa das suspeitas até a última atualização desta reportagem.

O investigador relata que a vítima procurou a delegacia na tarde de quinta-feira (20) e contou que as imagens tinham sido compartilhadas na madrugada e na manhã do mesmo dia. As suspeitas foram presas em flagrante, tiveram os celulares apreendidos e podem responder pelo crime de divulgação de cena de sexo, nudez ou pornografia, com pena de até 5 anos de prisão.


A polícia explica que nos celulares das suspeitas foram encontradas diversas conversas que confirmavam a divulgação do material, incluindo fotos e vídeos íntimos da vítima. Gustavo Mendes aponta que outras pessoas também podem ser culpadas pelo crime.

“Foi instaurado o inquérito e agora as investigações vão prosseguir para identificar as pessoas que compartilharam esses vídeos. Elas podem responder pelo mesmo crime. Todos que compartilharam podem ter responsabilidade”, pontua o delegado.


Segundo a polícia, as mulheres estão detidas no presídio feminino de Corumbaíba e devem passar por audiência de custódia nesta sexta-feira (21). Delegado conta que as suspeitas alegaram que estão arrependidas do crime.


Comments


FORTE NEWS REAL.png

Mais Notícias

bottom of page