top of page

Marido mata mulher com taça de vidro e mente que ela sofreu queda



Um homem foi preso suspeito de matar a esposa com uma taça de vidro, na capital goiana. Segundo informações da Polícia Civil, após o crime, ele mentiu que a mulher havia caído no quintal de casa.


O caso aconteceu no domingo (12/11), e o homem foi preso na segunda-feira (13), no Setor Capuava. O suspeito ainda teria dito que a mulher estava embriagada no momento da queda e que fazia uso de medicação controlada.


O homem, que não teve a identidade revelada, chegou a alegar que prestou socorro à vítima, colocando-a na cama do quarto do casal. No entanto, no dia seguinte, viu que a mulher estava morta.


Lesões profundas

De acordo com o delegado Moacir Tomaz, a vítima tinha várias lesões pelo corpo. Uma taça de vidro encontrada no local, além de estar com vestígios de sangue, se encaixava com a lesão mais profunda da testa da mulher. “Não existiu queda, […] não encontramos nada que pudesse ter lesionado daquele jeito”, disse o investigador ao G1.


“Não encontramos medicação controlada, […] o corpo da mulher estava todo lesionado, cheio de hematomas, decorrente não só de uma lesão específica, mas de várias agressões”, completou o delegado.


A polícia ainda informou que, com a análise de imagens, foi visto que a vítima sofreu várias agressões pelo marido na noite anterior.

Fonte: metropoles.




Comments


FORTE NEWS REAL.png

Mais Notícias

bottom of page