top of page

Missa de 7º dia do filho de Caiado é realizada em Goiânia, e governador fala sobre perda:

Ronaldo Ramos Caiado Filho tinha 40 anos e foi encontrado morto em uma fazenda de Nova Crixás. Mãe e irmãs também prestaram homenagens.


Caiado, primeira-dama e filhas assistem à missa de 7º dia do filho do governador — Foto: Mariana Carneiro/O Popular

A missa de 7ª Dia em homenagem a Ronaldo Ramos Caiado Filho, de 40 anos, que foi achado morto em uma fazenda de Nova Crixás, aconteceu na noite deste sábado (9), em Goiânia. Ao final da cerimônia, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (UB), subiu ao altar e falou sobre a dor de perder o filho.

"É uma coisa difícil de ser compreendida. É a inversão da ordem cronológica da vida. É uma dor que sufoca. Uma dor que não para. É algo que você imagina que não está acontecendo", disse o governador.


A celebração começou às 19h30, na Catedral Metropolitana de Goiânia, na Avenida Universitária, no Setor Central, e terminou por volta de 21h. O governador assistiu à missa junto com a primeira-dama, Gracinha Caiado, e as filhas Maria, Marcela e Anna Vitória.

Ronaldo era filho do político com a primeira esposa, Thelma Gomes, que tambám participou da cerimônia. A mãe e as irmãs também prestaram homenagens durante a missa.

Formado em administração, Ronaldo Filho foi encontrado morto na manhã do dia 3 de julho, mesmo dia do aniversário da irmã Maria Caiado. Ainda não há informação sobre a causa.

Despedida

O governador recebeu a informação da morte do filho enquanto estava junto com a esposa, Gracinha Caiado, em uma das missas de encerramento da Festa do Divino Pai Eterno em Trindade.


O velório aconteceu na noite do mesmo dia, no cemitério Vale do Cerrado, e foi encerrado por volta de 23h. A cerimônia foi realizada com a presença de diversos políticos e autoridades que foram se despedir do administrador e prestar apoio ao governador de Goiás e aos familiares.

Após uma cerimônia fúnebre de despedida que aconteceu dentro do crematório, o velório foi encerrado e o corpo foi cremado na manhã do dia seguinte.


‘Tímido e discreto’

Amigos e pessoas próximas a Ronaldo Caiado Filho o descrevem como “tímido, discreto, esforçado e próximo à família”.

Ronaldo Ramos Caiado Filho nasceu em Goiânia no dia 5 de março de 1982. Ele é o segundo filho de Caiado com Thelma Gomes, professora de história da rede municipal e estadual em Aparecida de Goiânia, no Colégio Estadual Vida Nova.


Ronaldo Filho cursou dois semestres do curso de rádio e TV na Universidade Federal de Goiás (UFG), mas saiu e logo se mudou para São Paulo. Na capital paulista, ele se formou em administração na Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM).

Por muitos anos, Ronaldo dividiu sua vida entre Goiás e São Paulo, mas, há pouco mais de um ano, o administrador se mudou de vez para Nova Crixás. Na cidade goiana, ele cuidava da fazenda da família. Segundo Adriano Rocha Lima, primo de segundo grau do governador, Ronaldo Filho gostava da vida no campo.

“Ronaldo Filho era uma pessoa super do bem, trabalhador, muito na dele, discreto. Ele estava trabalhando e ajudando nos negócios do pai, porque como governador, o pai não tem tempo de tratar das coisas”, disse.

Fonte: G1

Comments


FORTE NEWS REAL.png

Mais Notícias

bottom of page