top of page

Mulher é morta com quatro tiros e cerca de 30 facadas por homem em Goiás, diz polícia

Delegado contou que suspeito também ameaçou a própria mãe de morte. Ele foi preso.


Uma mulher foi morta a tiros e facadas por um homem em Silvânia, na região central de Goiás, segundo a Polícia Civil. O delegado Leonardo Sanches contou que a vítima levou quatro disparos de arma de fogo e cerca de 30 golpes de faca. O suspeito, que tinha ameaçado a própria mãe de morte na noite anterior ao crime, foi preso.


Até a última atualização desta reportagem, o g1 não havia obtido contato com a defesa do suspeito para que se posicione.

O crime foi na manhã desta sexta-feira (30), no Bairro das Pedrinhas, em Silvânia. O delegado contou que a vítima era usuária de drogas e que tinha ido fazer uso de entorpecentes junto com o suspeito.

"O autor não tinha qualquer relação com a vítima, a foi fazer uso de drogas junto com o autor e o autor já vinha sofrendo alguns problemas mentais, teve um surto e efetuou quatro disparos e aproximadamente 30 facadas, e a vítima veio a óbito", disse.


De acordo com o investigador, o homem tinha tido uma briga com a mãe na noite anterior e, por isso, ela não estava em casa na hora do crime. Durante a discussão, ele ameaçou matar a própria mãe.

"Na noite anterior, a mãe tinha saído da residência, com medo do próprio filho, que tinha tentado levar ela para o fundo da residência, alegando que ia colocar fogo nela", contou o investigador.

A Polícia Militar informou que foi chamada após denúncias de pessoas que escutaram tiros. Ao chegar no local, a equipe encontrou o suspeito na calçada, sujo de sangue, aparentando estar "transtornado". A corporação entrou na casa e encontrou a mulher, já sem vida.


Após isso, o suspeito foi preso em flagrante. Com ele, a PM apreendeu um revólver com várias munições. Segundo a Polícia Civil, ele deve responder por homicídio qualificado.

Fonte: g1 Goiás.

Comentários


FORTE NEWS REAL.png

Mais Notícias

bottom of page