top of page

Pai de menino que morreu atropelado é preso por agredir motorista que causou acidente

Carro desgovernado subiu em canteiro central e atingiu a criança que estava com o pai. Revoltado, homem bateu no condutor, que está na UTI com traumatismo craniano.


À esquerda, o menino Danilo Pignato, de 8 anos / à direita, imagem do acidente que o matou — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

O pai do menino Danilo Pignato, de 8 anos, que morreu atropelado por um carro desgovernado foi preso em flagrante por agredir o motorista que causou o acidente, mas ele conseguiu liberdade para que ele pudesse velar o filho neste domingo (18), em Goiânia.

Segundo a Polícia Civil, o veículo subiu no canteiro central da avenida, atingiu a criança e, em seguida, o pai entrou em luta corporal com o condutor, Francilei da Silva Jesus, que teve traumatismo craniano.


A liberdade provisória de Dedilson de Oliveira Sousa foi concedida pela juíza Luciane Cristina Duarte da Silva, horas depois da prisão. Ele foi detido por tentativa de homicídio privilegiado, quando a pessoa que o comete pode estar tomada por forte emoção.


"Não há como ignorar a situação em que os fatos de se deram, não podendo mensurar a dor e a fortíssima emoção sentida pelo autuado que o levou a agir daquela maneira naquele momento, a fim de impedir a fuga do condutor do veículo que ceifou a vida de seu filho", escreveu a juíza.

Segundo o último boletim divulgado pelo Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), às 12h deste domingo, Francilei continua na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), em estado grave e respirando com ajuda de aparelhos.


Suspeita de embriaguêz

Ao g1, a defesa de Dedilson informou que o motorista estava consumindo bebida alcoólica no caminho que percorreu até acontecer o acidente. Uma foto divulgada pela Polícia Civil mostra um copo térmico no suporte do interior do carro (veja acima).

Até a última atualização desta reportagem, o g1 não conseguiu localizar a defesa do motorista Francilei para que se posicionassem diante do caso, já que ele segue internado. O atropelamento de Danilo aconteceu na Avenida dos Pirineus, no Setor Esplanada dos Anicuns, no fim da tarde de sábado (17).

Segundo a Delegacia de Investigação de Crimes de Trânsito (Dict), testemunhas e vestígios obtidos no local apontaram que o carro de modelo Gol cor vermelha trafegava pela Avenida Anhanguera, quando entrou na Avenida Consolação, momento em que perdeu o controle da direção, bateu contra a árvore no canteiro central e atingiu a criança.


De acordo com a Polícia Militar, o pai, que estava com o filho, conseguiu desviar do atropelamento e acabou agredindo o motorista, que foi levado para o hospital.

Fonte: g1 Goiás.

Comments


FORTE NEWS REAL.png

Mais Notícias

bottom of page