top of page

Polícia procura por homem indiciado por estuprar duas netas da ex-companheira, em Planaltina de GO

Investigação apontou que as meninas, de 8 e 11 anos, foram abusadas pelo homem durante um ano. Suspeito é considerado foragido da Justiça.


A Polícia Civil procura por Cledimilton Gonçalves Almeida, de 38 anos, que foi indiciado por estuprar duas netas da ex-companheira, no distrito de São Gabriel, em Planaltina de Goiás, no Entorno do Distrito Federal. A investigação apontou que as meninas, de 8 e 11 anos, foram abusadas pelo homem durante um ano.

O G1 não conseguiu localizar a defesa do suspeito até a última atualização desta reportagem. De acordo com a polícia, as vítimas eram irmãs e costumavam dormir na residência da avó. As investigações apontaram que, ao dormirem no local, elas eram abusadas sexualmente pelo companheiro da avó, o qual manipulava as partes íntimas delas. "Em depoimento, as vítimas disseram que ele tocava nas partes íntimas delas e pedia para não falar com ninguém", disse o delegado. O delegado João Raffael, responsável pelo caso, informou que o suspeito foi indiciado pelo crime de estupro de vulnerável e teve prisão preventiva decretada pela Justiça, no entanto, até esta segunda-feira (12) ele encontrava-se foragido. “Ele continua foragido. Estamos fazendo diligências e buscas para dar cumprimento ao mandado”, disse o delegado. O delegado informou ainda que os abusos persistiram ao longo de um ano, até que em março deste ano a avó teria visto o acusado mostrando o pênis para a neta mais velha, o expulsou da casa e o denunciou. A corporação informou que o inquérito foi remetido ao Judiciário no dia 15 de março. Disse ainda que o Ministério Público foi intimado no mesmo dia e ofereceu a denúncia contra o suspeito à Justiça na última sexta-feira (9). O processo foi recebido pela Justiça na manhã desta segunda-feira (12) para ser analisado pelo juiz.



Comments


FORTE NEWS REAL.png

Mais Notícias

bottom of page