top of page

Barbeiro é baleado nas partes íntimas após a própria arma disparar por acidente em Goiás



Segundo a Polícia Militar, foram apreendidas com o homem 19 munições e outros itens levados para análise na delegacia. A corporação ainda informou que, com o tiro, ele atingiu sua bolsa escrotal.

Um barbeiro atingiu suas partes íntimas com um tiro após uma arma que estava em sua cintura disparar por acidente, em Anápolis, a 55 Km de Goiânia. De acordo com a Polícia Militar, o homem estava com a arma na cintura enquanto cortava o cabelo de um cliente. A corporação ainda informou que, segundo um dos médicos que o atendeu, ele havia lesionado sua bolsa escrotal e que passaria por uma cirurgia.

O caso aconteceu na quarta-feira (14), no Setor Industrial Munir Calixto. Antes do barbeiro ser encaminhado a uma unidade de saúde, ele entregou a pistola calibre 9 mm aos policiais, que também apreenderam 19 munições intactas do mesmo calibre, uma maleta com dois carregadores, municiador e escova de limpeza de cano. Os itens foram levados para análise na delegacia.


De acordo com registro policial, inicialmente ele foi levado ao Hospital Estadual de Urgências de Anápolis Dr. Henrique Santillo (Heana) e logo em seguida transferido ao Hospital Estadual de Urgências da Região Noroeste de Goiânia Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol).


Antes de ser transferido, o Heana informou que o paciente estava consciente, orientado e estável. Ao g1, o Hugol informou que o estado do barbeiro é regular e que ele está consciente e respirando espontaneamente. Segundo a Polícia Civil, o que se sabe até esta quinta-feira (16) é que apenas o barbeiro foi atingido.


O delegado George Aguiar Muniz ainda informou que a polícia tentou contato com o cliente que estava no local do momento do disparo, mas que não teve retorno até a tarde desta quinta-feira (15).

Ainda de acordo com a polícia, ao chegarem no local, os agentes encontraram o barbeiro deitado em um sofá e consciente. Ele ainda disse à corporação que não possuía licença, mas que possuía o registro da arma. Esse registro foi entregue aos policiais pela esposa do homem ferido no hospital.

Segundo o delegado, o caso foi registrado como disparo de arma de fogo. A perícia no local já foi requisitada pela delegacia.

Fonte: g1 Goiás.


Comments


FORTE NEWS REAL.png

Mais Notícias

bottom of page