top of page

Caiado decreta ponto facultativo nos dias 24 e 31 de dezembro de 2021


O governador Ronaldo Caiado durante inauguração de luzes de Natal: salário de 160 mil servidores, entre ativos, aposentados e pensionistas, será antecipado, e haverá ponto facultativo nas repartições públicas nos dias 24 e 31 de dezembro / Foto: Reprodução/Facebook

Com medida, repartições públicas estaduais não funcionarão entre 24 e 26 de dezembro, voltando a abrir normalmente de 27 a 30 de dezembro. Após essa data, expediente só retorna em 3 de janeiro de 2022. Salário do mês será pago antes do Natal para todos 160 mil servidores da ativa, aposentados e pensionistas


O governador Ronaldo Caiado determinou ponto facultativo nos dias 24 de dezembro, que antecede o Natal, e 31, véspera de Réveillon. O decreto nº 10.001 foi publicado, nesta quarta-feira (15/12), no Diário Oficial do Estado (DOE).


Com a medida, as repartições públicas estaduais não funcionarão entre 24 e 26 de dezembro, voltando a abrir normalmente de 27 a 30 de dezembro. Após essa data, o expediente só retorna no dia 3 de janeiro de 2022.


O ponto facultativo não se aplica aos órgãos que, por sua natureza ou em razão do interesse público, desenvolvam atividades indispensáveis como, por exemplo, unidades de saúde, de policiamento civil e militar, de bombeiro militar, arrecadação, fiscalização e Serviço Integrado de Atendimento ao Cidadão Vapt-Vupt.


Salário adiantado

Pela terceira vez consecutiva, desde que assumiu o governo em 2019, o governador Ronaldo Caiado determinou à Secretaria de Estado da Economia a antecipação do pagamento da folha salarial de dezembro. Desta vez, será de uma semana, com a liberação no dia 23, antes do Natal.


Os vencimentos são pagos a cerca de 160 mil servidores da ativa, aposentados e pensionistas, e o valor da folha bruta, que será fechada na próxima semana, deve ser superior a R$ 1,5 bilhão, quantia atingida em novembro, quando entrou em vigor o aumento para os servidores da Educação.


Secretaria de Estado da Casa Civil - Governo de Goiás

Commentaires


FORTE NEWS REAL.png

Mais Notícias

bottom of page